Boletim Classificador

Acesse

Boletim Eletrônico

Cadastre-se
Busca

Arpen-SP realiza curso de autenticação e reconhecimento de firmas em Araraquara

Publicado em: 20/03/2017
Cidade do interior paulista recebeu 103 participantes da região para debater os principais temas atuais relacionados à categoria
 
Araraquara (SP) – Neste sábado (18.03), a Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo (Arpen-SP) realizou no Hotel Dan Inn, na cidade de Araraquara, no interior paulista, o curso Autenticação e Reconhecimento de Firmas - Materialização e Desmaterialização de Documentos, dirigido a registradores civis da região e ministrado pelo Consultor e Gestor de Pessoas em Serviços Extrajudiciais, Antônio Cé Neto.

Formado em Direito pela Faculdade Metropolitanas Unidas (FMU), especialista em gestão de pessoas e com 37 anos de experiência em cartórios, Cé Neto destacou a importância dos cursos de capacitação técnica, esclareceu dúvidas e deu dicas para que o serviço do dia a dia se torne cada vez melhor e mais eficiente.
 
“Os cursos são fundamentais na preparação e atualização dos colaboradores para atender as diferentes necessidades que surgem diariamente nos cartórios. Para este, trouxemos principalmente questões práticas do dia a dia, permitindo que os alunos apresentassem suas dúvidas e trocassem experiências com todos os participantes. Ao final, debatemos e fizemos um balanço para cada problema apresentado, sempre dentro das normas do serviço e da legislação”, explicou.

O curso realizado em Araraquara tratou também sobre assuntos que precisam de uma orientação mais detalhada, como a materialização de documentos e a autenticação de cópias de documentos existentes na mídia eletrônica, além do apostilamento de documentos, realizado desde novembro de 2016 nos cartórios da capital e que terá início nos cartórios do interior.
 
O consultor também destacou que o mais importante para o sucesso de uma serventia é investir em Recursos Humanos. “Para uma prestação de serviço plenamente satisfatória, é preciso um bom atendimento. Não basta a modernização das instalações e o uso de equipamentos de primeira linha, pois a matéria prima da atividade são os recursos humanos, são as pessoas, e estas devem receber toda a dedicação, atenção e capacitação na área técnica, sendo imperativa a atualização constante dos escreventes e auxiliares à luz das normas de serviços e decisões de caráter normativo”, ressaltou.

Foram debatidos no curso os temas: Documento Público e Particular, Documento Material e Eletrônico, A Prática Diária e a Aplicação das Normas de Serviço, Materialização e Desmaterialização de Documentos, Reconhecimento de Firmas, Termo de Comparecimento - Orientações nas Transferências de Automóveis e Envio à Sefaz e o Processo de Identificação na Abertura de Firma.

“Vim para o curso para esclarecer dúvidas que tenho no dia a dia. Assumi recentemente a serventia e tenho me deparado com dúvidas práticas então, foi esclarecedor. Além de o professor ter muito conhecimento, as questões que os próprios integrantes trouxeram ajudaram bastante”, compartilhou Édila Lima Serra Ribeiro, Oficiala do Registro Civil de Pessoas Naturais e Tabelionato de Notas do Distrito de Água Vermelha, em São Carlos.

Para Daniel Mesquita de Paula Aulle, que assumiu o cartório de Registro Civil de Pessoas Naturais e Tabelionato de Notas de Ajapi, Distrito de Rio Claro, no último concurso, o curso foi extremamente importante por conta das dúvidas práticas. “Essa visão mais aplicada me ajudou muito. Comecei do zero e fui aprendendo com as normas e no dia a dia, então, foi de extrema importância para a minha serventia”. 

Mariana Undiciatti Barbieri Santos, Oficiala de Registro Civil de Itápolis levou alguns escreventes, pois acredita que a reciclagem é extremamente importante para atualização, conscientização e amadurecimento no atendimento do balcão. “Acredito que o atendimento direto ao usuário é o mais importante no dia a dia do cartório. O curso é super completo e o expositor bem atualizado”. 

O treinamento contou com 103 participantes que lotaram o auditório do hotel e acompanharam o encontro coordenado pela Oficiala Manuela Carolina de Almeida Sodré, do 1º Cartório de Registro Civil de Araraquara e Diretora Regional local. “Em nome dos oficiais de Araraquara, pude perceber que todos estão satisfeitos e felizes, inclusive os funcionários que estão podendo hoje se aprimorar, tendo em vista que o deslocamento para a capital, onde normalmente ocorrem os treinamentos, é bem difícil. Agradecemos a Arpen-SP por essa oportunidade singular”.

Confira mais alguns relatos:

“Vim para fazer uma reciclagem. Nesses cursos sempre aprendemos um pouco mais e é sempre bom para poder prestar um serviço melhor. O professor Cé Neto é ótimo”. - Samanta Ribeiro de Souza, Oficiala do Cartório de Registro civil de Martinópolis.

“Adorei o curso. A atualização é sempre importante, uma vez que a nossa atividade é muito dinâmica e a reciclagem deve ser constante” – Valeria Regina Zuanetti do Carmo, Oficiala do 2º Subdistrito de São José do Rio Preto.

“A atividade da Arpen-SP merece os parabéns por realizar os cursos nas regionais e acredito ser importante para a formação e aperfeiçoamento dos nossos colaboradores”. - Andressa Leite de Melo, Oficiala de Registro Civil de Taquaritinga

“Nós viemos em 12 funcionários, no intuito de agregar mais à nossa serventia onde, por exemplo, são recorrentes as dúvidas sobre o serviço de autenticação de firmas e aqui todas foram solucionadas, graças ao professor Cé, que explicou de forma clara”- Emerson Acosta, Substituto do 1º Subdistrito de Franca.

“Muitas coisas do curso eu não conhecia, porque meu cartório é pequeno, então foi muito interessante tudo que foi falado, foi um verdadeiro aprendizado”. - Suelen Sabino Lopes, Oficiala de Registro Civil de Gavião Peixoto 

“O curso foi ótimo e esclareceu muitas duvidas. Temos que reciclar o tempo todo, por mais corriqueiro que seja o serviço, o Cé sempre traz algo novo, é maravilhoso” - Marcia Bueno, Oficiala de Registro Civil das Pessoas Naturais do 2º Subdistrito de Araraquara.
 

Fonte: Assessoria de Comunicação
Deixe seu comentário
 
 
354026

Código de Conduta da Arpen-SP


  1. O site da Arpen-SP incentiva o debate responsável. Está aberta a todo tipo de opinião. Mas não aceita ofensas.
    Serão deletados comentários contendo:
    • - Insulto
    • - Difamação
    • - Manifestações de ódio e preconceito
  2. É um espaço para a troca de idéias, e todo leitor deve se sentir à vontade para expressar a sua.
    Não serão tolerados:
    • - Ataques pessoais
    • - Ameaças
    • - Exposição da privacidade alheia
    • - Perseguições (cyber-bullying) e qualquer outro tipo de constrangimento
  3. Por questões de segurança, não serão aceitos comentários contendo comandos, tags ou hiperlinks.
    Se desejar indicar algum site, digite o endereço textualmente.
    Por exemplo: http://www.arpensp.org.br
  4. Incentivamos o leitor a tomar responsabilidade pelo teor de seus comentários e pelo impacto por ele causado: informações equivocadas devem ser corrigidas, e mal entendidos, desfeitos.
  5. O site defende discussões transparentes. Não se dispõem a servir de plataforma de propaganda ou proselitismo, de qualquer natureza.
  6. Dos leitores, não se cobra que concordem, mas que respeitem e admitam divergências, que acreditamos próprias de qualquer debate de idéias.
  7. Ao critério da administração do site, serão bloqueados participantes que não respeitarem este conjunto de regras.

Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo
Praça João Mendes, 52 - conj. 1102 - 11º andar - Centro - São Paulo - SP - CEP 01501-000
Fone: (55 11) 3293-1535 - Fax: (55 11) 3293-1539

Nº de Visitas: 117.307.886
Copyright © Assessoria de Comunicação da Arpen-SP

CGJ-SP - Processo n° 2017/21610 orienta sobre a desnecessidade de certidão de nascimento do estrangeiro na habilitação do casamento

LEIA MAIS