Boletim Classificador

Acesse

Boletim Eletrônico

Cadastre-se
Busca

Clipping - Portal Revide (Ribeirão Preto) - Casamentos entre homens e mulheres caem e divórcios crescem em Ribeirão

Publicado em: 28/07/2017
Na contramão destes números, uniões homoafetivas dobraram nos últimos dois anos

O número de casamentos heteroafetivos registrados em cartórios de Ribeirão Preto caiu 3,8% em um ano. Os matrimônios realizados na cidade passaram de 4.448 em 2015 para 4.282 em 2016, segundo dados da Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo (ARPEN-SP). E as projeções não são animadoras: o primeiro semestre de 2017 já registrou queda de 4,3% em relação ao mesmo período de 2016, passando de 1.840 no ano passado para 1.761 neste ano.

Outro dado que aponta para a queda do número de casais na cidade de Ribeirão Preto é o aumento do número de divórcios, de acordo com levantamento realizado pela seção paulista do Colégio Notarial do Brasil. Só nos últimos nove anos, entre 2007 e 2016, a cidade observou um crescimento de 180% na quantidade de separações, que passaram de 162 para 455 no período. 

Em contrapartida, o casamento homoafetivo vem registrando números crescentes nos últimos dois anos. Em 2015, a foram 38 uniões homossexuais na cidade. Em 2016, esse número foi para 57 e só no primeiro semestre de 2017 o total de matrimônios já chega à casa dos 40. 

Novo cenário

O presidente da Associação dos Notários e Registradores do Estado de São Paulo (Anoreg-SP), Leonardo Munari Lima, avalia alguns fatores preponderantes para a queda no número de matrimônios. "É difícil citar apenas um, mas observando o nosso dia a dia no cartório posso afirmar que um motivo é o momento que o nosso país passa. Muitos casais preferem esperar um pouco mais, juntar dinheiro por mais tempo ou ver como essa crise vai acabar", avalia Munari. "Atualmente, os casais estão usando a união estável como o antigo hábito do noivado. Passam anos morando juntos, em uma união estável para só depois regularizarem a sua situação", conclui.

Mês das noivas

A tradição que transformou maio no mês das noivas é importada dos países do hemisfério norte, na qual os casamentos eram realizados após o fim do inverno, quando as flores começavam a desabrochar na primavera. 

Contudo, os números discordam, em partes, desta tradição. Realmente, a estação do ano com mais casórios continua sendo a primavera, e a com menos é o inverno. Entretanto, os dados são de Ribeirão Preto, uma cidade do hemisfério sul. E o mês com mais casamentos nos últimos dois anos é o mês de dezembro, com uma média de 30% mais casamentos que o restante dos meses. 

A tendência também é visível em nível nacional. Segundo dados do IBGE, em 2015 os cartórios em todo País realizaram média de 46% casamentos a mais no mês de dezembro do que no restante do ano.

Fonte: Portal Revide
Deixe seu comentário
 
 
315414

Código de Conduta da Arpen-SP


  1. O site da Arpen-SP incentiva o debate responsável. Está aberta a todo tipo de opinião. Mas não aceita ofensas.
    Serão deletados comentários contendo:
    • - Insulto
    • - Difamação
    • - Manifestações de ódio e preconceito
  2. É um espaço para a troca de idéias, e todo leitor deve se sentir à vontade para expressar a sua.
    Não serão tolerados:
    • - Ataques pessoais
    • - Ameaças
    • - Exposição da privacidade alheia
    • - Perseguições (cyber-bullying) e qualquer outro tipo de constrangimento
  3. Por questões de segurança, não serão aceitos comentários contendo comandos, tags ou hiperlinks.
    Se desejar indicar algum site, digite o endereço textualmente.
    Por exemplo: http://www.arpensp.org.br
  4. Incentivamos o leitor a tomar responsabilidade pelo teor de seus comentários e pelo impacto por ele causado: informações equivocadas devem ser corrigidas, e mal entendidos, desfeitos.
  5. O site defende discussões transparentes. Não se dispõem a servir de plataforma de propaganda ou proselitismo, de qualquer natureza.
  6. Dos leitores, não se cobra que concordem, mas que respeitem e admitam divergências, que acreditamos próprias de qualquer debate de idéias.
  7. Ao critério da administração do site, serão bloqueados participantes que não respeitarem este conjunto de regras.

Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo
Praça João Mendes, 52 - conj. 1102 - 11º andar - Centro - São Paulo - SP - CEP 01501-000
Fone: (55 11) 3293-1535 - Fax: (55 11) 3293-1539

Nº de Visitas: 114.996.791
Copyright © Assessoria de Comunicação da Arpen-SP

Clipping - Portugal Digital - Moçambique quer ampliar cobertura do registro de nascimento

LEIA MAIS