Boletim Classificador

Acesse

Boletim Eletrônico

Cadastre-se
Busca

Clipping – O Tempo - Projeto propõe inserção do campo gênero "X" na certidão de nascimento em Minas Gerais

Publicado em: 15/02/2019

Proposta também prevê que a mudança de gênero possa ser feita pelo declarante, sem a necessidade de apresentação de laudo médico


De autoria do deputado estadual Alencar da Silveira Jr. (PDT), o PL 136/19, que tramita na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), propõe que os cartórios do Estado possam inserir o campo gênero “X” na certidão de nascimento. 

O projeto também prevê que a mudança de gênero possa ser feita pelo declarante, sem a necessidade de apresentação de laudo médico, como é feito atualmente. Na justificativa para a proposição da matéria, Alencar argumentou que “espera-se mostra maior aceitação em meio a um aumento na violência contra os transgêneros”. 

Além disso, o deputado também diz que o projeto pode “facilitar o dia a dia dessas pessoas, que são seguidamente questionadas e assediadas quando precisam se identificar com documentos”. 

Clique aqui e confira o Projeto de Lei na íntegra
 

Fonte: O Tempo
Deixe seu comentário
 
 
689694

Código de Conduta da Arpen-SP


  1. O site da Arpen-SP incentiva o debate responsável. Está aberta a todo tipo de opinião. Mas não aceita ofensas.
    Serão deletados comentários contendo:
    • - Insulto
    • - Difamação
    • - Manifestações de ódio e preconceito
  2. É um espaço para a troca de idéias, e todo leitor deve se sentir à vontade para expressar a sua.
    Não serão tolerados:
    • - Ataques pessoais
    • - Ameaças
    • - Exposição da privacidade alheia
    • - Perseguições (cyber-bullying) e qualquer outro tipo de constrangimento
  3. Por questões de segurança, não serão aceitos comentários contendo comandos, tags ou hiperlinks.
    Se desejar indicar algum site, digite o endereço textualmente.
    Por exemplo: http://www.arpensp.org.br
  4. Incentivamos o leitor a tomar responsabilidade pelo teor de seus comentários e pelo impacto por ele causado: informações equivocadas devem ser corrigidas, e mal entendidos, desfeitos.
  5. O site defende discussões transparentes. Não se dispõem a servir de plataforma de propaganda ou proselitismo, de qualquer natureza.
  6. Dos leitores, não se cobra que concordem, mas que respeitem e admitam divergências, que acreditamos próprias de qualquer debate de idéias.
  7. Ao critério da administração do site, serão bloqueados participantes que não respeitarem este conjunto de regras.

Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo
Praça João Mendes, 52 - conj. 1102 - 11º andar - Centro - São Paulo - SP - CEP 01501-000
Fone: (55 11) 3293-1535 - Fax: (55 11) 3293-1539

Nº de Visitas: 128.669.306
Copyright © Assessoria de Comunicação da Arpen-SP

TJ/SC: Para Tribunal, mesmo não registrada, paternidade socioafetiva pode ser reconhecida

LEIA MAIS