Quarta-Feira, 1 de Outubro de 2014 - Presidente: Ademar Custódio
E-mail Corporativo Back-up ead Clube de Compras Login com Certificado
  • Arpen-SP
  • Diretorias Regionais
  • Serviços e Projetos
  • Cursos e Eventos
  • Comunicação
  • Legislação
  • Acesso Rápido
  • Links Úteis
  • Eventos
  • Eventos

    Precisa Imprimir um Boleto para pagamento de sua Inscrição?

    Forneça o Nº da Inscrição:

Imprimir
Registro Civil das Pessoas Naturais do 31º Subdistrito da Capital - Pirituba

  • Oficial: Francisco Marcicano

  • Oficial Substituto: José Júlio Flueti

  • Endereço: Av. Mutinga, 201
  • Bairro: Pirituba
  • CEP: 05154-000

  • E-mail: 31rctab@uol.com.br

  • Telefone: (0XX11) 3904-6035/3904-6045/3904-6012

  • Fax: (0XX11) 3904-6035

  • Horário de Funcionamento: De segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, e aos sábados das 9h às 12h.

  • Instalação do Cartório: 1936
  • Serviços: Nascimentos, Casamentos, Óbitos,Procurações, Reconhecimento de Firmas e Autenticações.

  • Links Úteis:

  • ESTE CARTÓRIO CONTA COM O CERTIFICADO DE QUALIDADE DA ARPEN-SP


  • Competência e inovação, as marcas do cartório de Pirituba

    O famoso comediante Pegano Sobrinho, que teve notável popularidade nas décadas de 50 e 60, ironizava o bairro de Pirituba como um lugar distante. Isso ficou na cabeça de muita gente. José Julio Flueti, substituto e braço direito do oficial Francisco Marcicano, acredita que esta referência é uma inverdade: "O bairro está localizado as margens do Tietê, e do outro lado do leito do rio, o subdistrito da Lapa, contando ainda com outros confrontantes, a comarca de Osasco, o distrito de Jaraguá e o subdistrito de Nossa Senhora do Ó".


    É, então, em Pirituba que se localiza o 31º cartório de Registro Civil das Pessoas Naturais, instalado em 23 de agosto de 1936, tendo sido seu primeiro oficial, Álvaro Luiz Vasconcellos. Porém, em dezembro 1936, o primeiro oficial da serventia veio a falecer, e José Manoel de Carvalho assumiu como oficial interino. Em 4 de junho de 1939, Romeu Marcicano, pai do atual oficial, foi investido no exercício da função. Francisco Marcicano iniciou seu trabalho como oficial na serventia em 4 de dezembro de 1968.


    Quando começou com suas atividades, o cartório de Pirituba se localizava na Estrada Municipal, rua paralela à estrada de ferro e próxima à estação de trem do bairro, e lá permaneceu até 1944, quando se mudou para as atuais instalações. O cartório conta ainda com acesso pela Avenida Raimundo Pereira Magalhães, onde funciona o setor de escrituras. É neste acesso que são atendidos os portadores de deficiência.


    O amplo cartório de Pirituba conta com dois andares para atendimento ao público. Na parte superior, onde o acesso é pela Avenida Raimundo Pereira Magalhães funciona o setor de escrituras. No andar inferior o setor de notas e registro civil. Nos guichês o atendimento é rápido, organizado e eficaz. A sala de casamentos, também localizada na parte inferior da serventia, é um local muito bem decorado e elegante.


    Atualmente, o cartório passa por reformas para melhor atender o público. Para tanto, também está sendo implantado o sistema de biometria que passará a funcionar em cerca de 90 dias. "É fundamental ter consciência de que o registro civil desempenha um papel preponderante na concessão da cidadania e na alteração do estado civil das pessoas. É uma tarefa que exige muito e é de extrema importância para a vida da população. A informatização, as reformas contribuem para a perfeição dos serviços e para a eliminação das indesejáveis filas", explica José Júlio Flueti.


    Outra ferramenta que o cartório pretende colocar à disposição do público, em aproximadamente quatro meses será um site onde poderão ser feitas consultas de atos, tanto no registro civil quanto em notas, existentes no cartório. Os quarenta funcionários, todos uniformizados, fazem mensalmente, em média, 85 casamentos, 200 nascimentos e 80 óbitos. Consta também nos arquivos da serventia alguns registros de famosos, tais como do global Luigi Baricelli, o jogador de futebol César Maluco e o jogador de vôlei Escadinha.


    O oficial substituto faz questão de salientar o papel da Arpen-SP para o dia-a-dia do trabalho no cartório: "A Arpen-SP desempenha substancial importância nas atividades diárias do cartório, desde a orientação na melhoria dos serviços, nos cursos, mas muito especialmente no gerenciamento da intranet".

    Imagens do Cartório









    Pirituba

    História do Bairro

    Nascido a partir de uma fazenda adquirida pelo Cel. Anastácio de Freitas, que veio a ser adquirida pelo Brig. Rafael Tobias de Aguiar e a Marquesa de Santos. A partir de 1917, a fazenda é adquirida pela Companhia Armour, e a área destinada à criação de gado de corte foi dada à Cia. City, que urbanizou essa região. Atualmente, é um dos pólos industriais da cidade, com várias indústrias instaladas e residências diversas com grande aumento de edíficios, há favelas na região. Hoje existe um dos clubes holandeses mais tradicionais de São Paulo,a Casa de Nassau.

    A origem do nome Pirituba é o resultado da justaposição de piri("tábua") com o aumentativo "tuba", que, na língua tupi, significa "muito". Há também uma outra teoria sobre este nome. Na região havia uma lagoa denominada Pirituba, que em tupi-guarani significa vegetação de brejo. Segundo dados históricos, havia na região um brejo, resultante de um dos braços do tietê que passa próximo, daí o brejo ou lagoa de pirituba, que foi aterrada pela Cia City de Desenvolvimento.

    Nº de Visitas: 62209429

    arpensp@arpensp.org.br

    Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo

    Praça João Mendes, 52 - conj. 1102 - 11º andar - Centro - São Paulo - SP - CEP 01501-000

    Fone: (55 11) 3293-1535 - Fax: (55 11) 3293-1539