Boletim Classificador

Acesse

Boletim Eletrônico

Cadastre-se
Busca

CNJ suspende liminarmente o 8° Concurso Público do Estado de São Paulo

Publicado em: 18/05/2012
PROCEDIMENTO DE CONTROLE ADMINISTRATIVO 0001922-86.2012.2.00.0000

Requerente: Eder Fasanelli Rodrigues
Requerido: Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo

Advogado(s): SP174181 - Eder Fasanelli Rodrigues (REQUERENTE)

DECISÃO/OFÍCIO Nº 2012

Vistos, etc.

Cuida-se de Procedimento de Controle Administrativo formulado por Eder Fasanelli Rodrigues em face do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJSP), por meio do qual requer a revisão do cálculo efetuado pelo requerido para aplicação do percentual de 5% (cinco por cento) destinado à reserva de vagas para portadores de necessidades especiais (PNE) no 8º Concurso Público de Provas e Títulos para outorga de Delegações de Notas e Registro do Estado de São Paulo, ao argumento de que o estaria sendo implementado em descompasso com os ditames expressos do art. 37, do Decreto nº 3.298/99, que regulamentou a Lei nº 7.853/89.

Assevera que, na subdivisão em grupos feita pela comissão do certame, o percentual foi arredondado "para baixo" em todos os casos em que a aplicação do índice de 5% não importasse em número exato, o que gerando uma redução indevida da quantidade de serventias ofertadas aos PNEs. Em vista disso, requer, liminarmente, a suspensão das inscrições para a escolha das serventias pelos PNEs, com o intuito de evitar o encerramento da fase de escolhas.

Por ordem do Conselheiro Marcelo Nobre, foi determinada a intimação do requerido para que se manifestasse acerca dos fatos narrados na inicial antes da apreciação do pedido liminar (Evento 17 - DESP8), tendo este confirmado os fatos alegados e defendido a inaplicabilidade do Decreto 3.298/99 e da Lei 7.853/89 ao caso em espécie, uma vez que "os registradores não ocupam cargos nem empregos públicos" e a conseqüente submissão da questão aos ditames da Lei Complementar estadual nº 683/92, cujo art. 1º, § 3º prevê o "arredondamento para baixo" do percentual de 5% das vagas reservadas aos PNEs, quando o resultado importar em número fracionado.

É o relatório, decido.

Não obstante a questão apresentada demandar uma análise mais cautelosa, em virtude da urgência que apresenta, consubstanciada no encerramento da fase de escolhas de serventias pelos PNEs, passo a examinar o pleito liminar.

Numa análise, repito, perfunctória, dos fatos colacionados aos autos, extrai-se a presença dos requisitos cautelares, quais sejam o fumus boni iures e o periculum in mora, representados, na espécie, respectivamente, pela ofensa e às normas federais e constitucionais declinadas na exordial e pelo prosseguimento do concurso público no qual as regras ora impugnadas estão sendo aplicadas.

Assim, considerando momentaneamente satisfeitas as condições impostas pela lei processual civil para a concessão do pleito liminar formulado, defiro a medida de urgência apenas para determinar a imediata suspensão do certame, até que seja analisado o mérito da presente demanda.

Intimem-se as partes, inclusive via fac-símile, determinando-se ao Tribunal requerido que providencie a notificação dos terceiros interessados, da maneira que julgar mais conveniente e eficaz.

Cópia da presente servirá como ofício.

À Secretaria Processual para que providencie, com urgência.

Brasília, data infra.

Fonte: Assessoria de Imprensa
Em 12/06/2012 13h10
Gostaria que me confirmassem se realmente o 8º CONCURSO DOS CARTORIOS DE SAO PAULO foi supenso e se há previsão de data de aplicaçao das provas...Obirgada! margareth
Autor: Margareth vieira
Profissão: Notária
Cidade - Estado: Fortaleza - CE
Deixe seu comentário
 
 
172429

Código de Conduta da Arpen-SP


  1. O site da Arpen-SP incentiva o debate responsável. Está aberta a todo tipo de opinião. Mas não aceita ofensas.
    Serão deletados comentários contendo:
    • - Insulto
    • - Difamação
    • - Manifestações de ódio e preconceito
  2. É um espaço para a troca de idéias, e todo leitor deve se sentir à vontade para expressar a sua.
    Não serão tolerados:
    • - Ataques pessoais
    • - Ameaças
    • - Exposição da privacidade alheia
    • - Perseguições (cyber-bullying) e qualquer outro tipo de constrangimento
  3. Por questões de segurança, não serão aceitos comentários contendo comandos, tags ou hiperlinks.
    Se desejar indicar algum site, digite o endereço textualmente.
    Por exemplo: http://www.arpensp.org.br
  4. Incentivamos o leitor a tomar responsabilidade pelo teor de seus comentários e pelo impacto por ele causado: informações equivocadas devem ser corrigidas, e mal entendidos, desfeitos.
  5. O site defende discussões transparentes. Não se dispõem a servir de plataforma de propaganda ou proselitismo, de qualquer natureza.
  6. Dos leitores, não se cobra que concordem, mas que respeitem e admitam divergências, que acreditamos próprias de qualquer debate de idéias.
  7. Ao critério da administração do site, serão bloqueados participantes que não respeitarem este conjunto de regras.

Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo
Praça João Mendes, 52 - conj. 1102 - 11º andar - Centro - São Paulo - SP - CEP 01501-000
Fone: (55 11) 3293-1535 - Fax: (55 11) 3293-1539
E-mail: arpensp@arpensp.org.br

Nº de Visitas: 150.339.172
Copyright © Assessoria de Comunicação da Arpen-SP

Projeto fixa critérios para uso de sêmen de homem que já morreu

LEIA MAIS