Boletim Classificador

Acesse

Boletim Eletrônico

Cadastre-se
Busca

XI Encontro Estadual - Sustentabilidade do Registro Civil é tema de palestra do Desembargador José Renato Nalini

Publicado em: 16/11/2009
Sessão de fotos relacionada: Sustentabilidade do RC é tema de palestra em Barra Bonita

Em brilhante apresentação em Barra Bonita, presidente da Comissão do 6° Concurso Público falou sobre a imposição de gratuidades.

Barra Bonita (SP) - Abrindo as exposições do terceiro dia de apresentações do XI Encontro Estadual do Registro Civil, promovido pela Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo, entre os dias 12 e 14 de novembro na cidade de Barra Bonita, o desembargador do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP) e presidente da Comissão Examinadora do 6° Concurso Público para a Outorga de Delegações de Notas e Registro, José Renato Nalini, realizou uma brilhante palestra sobre o tema "Sustentabilidade do Registro Civil".

Inicialmente, Nalini definiu o Registro Civil como "o mais importante dos registros, base das políticas públicas da nação, casa forte da dignidade da pessoa humana", para em seguida definir "quem não tem registro de nascimento não existe, e como estamos na era do conhecimento, quem possui a base primária de informações da nação tem as informações mais importantes que um País possui", destacou.

O palestrante passou então a abordar a questão da gratuidade implementada pelo Governo Federal aos atos praticados por registradores e notários. "O Poder Constituinte definiu a delegação como fórmula propiciadora dos atos de cidadania e o Estado deveria respeitá-lo", afirmou. "No Brasil, o Estado vê as atividade de registro e notas como um prestador de serviço público, submetido às suas ordens e exigências descabidas, e não como um guardião das liberdades da população", destacou. "Mas o Estado não tem este poder, conferido apenas ao Poder Constituinte, este sim, com legitimidade para propor gratuidades aos serviços privados, algo que não foi feito na pelos constituintes", disse.

Em seguida, o desembargador apontou que o acesso à atividade por meio de concurso público configura uma espécie de delegação contratual, que prevê remuneração compatível com o serviço praticado, que por sua vez tem vocação de permanência é privado e necessitado de independência jurídica para a prática dos atos. "A administração deve indenizar o delegatário quando das alterações resultar a ruptura do equilíbrio econômico-financeiro ou fazer os reajustes correspondentes para evitar que se obtenha benefício indevido ou empobrecimento ilícito", finalizou.

O palestrante ainda atacou os argumentos da administração, que ditam que a gratuidade atende a interesses de cidadania. "A administração pública não pode ignorar a intangibilidade da delegação, que é a atualidade do interesse público primário, os investimentos aplicados na serventia e a manutenção da rentabilidade ajustada", afirmou. "A gratuidade, quando extremamente necessária, não pode afetar o direito à rentabilidade, sob reserva de indenização do prejuízo causado", completou.

Nalini citou ainda livro em que colaborou propondo uma série de iniciativas que pudessem se tornar atribuições do registro civil, "capazes de banir o estigma de delegações deficitárias". "Algumas vingaram, como a separação e o divórcio, mas foram para o Tabelionato, outras como a retomada do serviço judicial ainda não. Continua urgente a criatividade", provocou.

Já caminhado para finalizar sua apresentação, José Renato Nalini destacou a necessidade de se dominar outras esferas do conhecimento, com as percepções das relações econômicas entre delegantes e delegatários, aumentando o leque do conceito de sustentabilidade. "A especialização não prescinde da generalização. Quem conhece apenas um segmento da realidade não pode se vangloriar de conhecê-la integralmente".

Ao finalizar sua apresentação Nalini conclamou os congressistas a olharem para atividade com "paixão, acreditando em sua vocação". "Sem paixão, qualquer atividade tende a se tornar um suplício. É preciso mergulhar, apaixonadamente, no universo que depende de cada um para se transmutar na concretização do sonho", disse. "Existe uma capacidade humana que tem importância extraordinária e muita vez é ignorada: a capacidade de mudar o modo de ver uma situação. Verdade antiga, já enunciada por Epicteto: "Não somos perturbados pelas coisas, mas pela opinião que temos das coisas"", completou.

Referente ao 6° Concurso Público, o desembargador do TJ-SP ainda destacou que a "todo momento precisa lembrar seus pares e os membros da Comissão Examinadora do 6° Concurso Público que não está distribuindo benesses ao realizar o exame, mas sim concedendo sacrifícios aos delegatários, que terão que administrar serventias deficitárias para poder galgar avanços posteriores em uma carreira promissora".

Por fim, deixou um recado aos participantes. "Deve-se intensificar o consenso de que o Registro Civil é uma atividade essencial, relevante e imprescindível, e conquistar pela eficiência crescente e pela adoção das novas tecnologias e estratégias de trabalho, o respeito e a devoção da clientela", disse. "E assim, impor ao Estado, instrumento a serviço do povo, a indeclinável obrigação de cumprir o pactuado na outorga de delegações", finalizou.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Notícias Relacionadas

16/11/2009 - XI Encontro Estadual - Registro Civil Eletrônico é meta para o Poder Executivo e Judiciário
16/11/2009 - XI Encontro Estadual - Arpen-SP e CNJ debatem Matrícula Única no 3° Painel Temático
16/11/2009 - XI Encontro Estadual - Homenagem a Antonio Guedes Netto emociona congressistas em Barra Bonita
15/11/2009 - XI Encontro Estadual - Festa Country diverte congressistas do XI Encontro Estadual da Arpen-SP
14/11/2009 - XI Encontro Estadual - Desjudicialização Extrajudicial é tema do 2º painel do XI Encontro Estadual
13/11/2009 - XI Encontro Estadual - Sustentabilidade do Registro Civil é debatida por Registradores e Governo Federal
13/11/2009 - XI Encontro Estadual - Vice-presidente, Ademar Custódio, profere discurso de homenagem a Walter Ceneviva
13/11/2009 - XI Encontro Estadual - José Claudio Murgillo profere discurso de abertura no evento da Arpen-SP
13/11/2009 - XI Encontro Estadual - Jurista Walter Ceneviva encanta registradores na Palestra Magna de Abertura
09/11/2009 - XI Encontro Estadual - Presidente do Sindiregis Calixto Wenzel confirma presença no XI Encontro Estadual de Registradores Civis da Arpen-SP
09/11/2009 - XI Encontro Estadual da Arpen-SP - Ministro Gilson Dipp confirma presença no XI Encontro da Arpen-SP em Barra Bonita
06/11/2009 - XI Encontro Estadual - Ministro Gilson Dipp confirma presença no XI Encontro Estadual da Arpen-SP
06/11/2009 - XI Encontro Estadual - Advogada Cláudia Stein confirma presença no XI Encontro Estadual de Registradores Civis da Arpen-SP
04/11/2009 - XI Encontro Estadual - Argon e MS Nobreak oferecem 2 multifuncionais para sorteio durante o XI Encontro Estadual da Arpen-SP
04/11/2009 - XI Encontro Estadual - Sustentabilidade do Registro Civil é tema do primeiro painel do XI Encontro Estadual da Arpen-SP
04/11/2009 - XI Encontro Estadual - Desembargador José Renato Nalini confirma presença no XI Encontro Estadual de Registradores Civis da Arpen-SP
03/11/2009 - XI Encontro Estadual da Arpen-SP - XI Encontro Estadual apresentará propostas de novos atos ligados à desjudicialização extrajudicial
03/11/2009 - XI Encontro Estadual da Arpen-SP - PN - Parceiro de Negócios e Automação Comercial é mais uma parceira do evento estadual da Arpen-SP
31/10/2009 - XI Encontro Estadual - Secretaria da Reforma do Judiciário confirma participação no evento estadual da Arpen-SP
31/10/2009 - XI Encontro Estadual - Desembargador José Renato Nalini confirma presença no XI Encontro Estadual de Registradores Civis da Arpen-SP
30/10/2009 - XI Encontro Estadual da Arpen-SP - XI Encontro de Barra Bonita apresentará Matrícula Única e os novos Modelos de Certidões
28/10/2009 - XI Encontro Estadual - XI Encontro Estadual da Arpen-SP debaterá novos atos registrais no Painel Registro Civil Eletrônico
27/10/2009 - XI Encontro Estadual - Coordenadora geral da SEDH, Larissa Beltramim, confirma presença no XI Encontro Estadual de Registradores Civis da Arpen-SP
27/10/2009 - XI Encontro Estadual - Deputado Federal, Régis de Oliveira, confirma presença no XI Encontro Estadual de Registradores Civis da Arpen-SP
26/10/2009 - XI Encontro Estadual da Arpen-SP - Diretoria da Arpen-SP convida os registradores a participarem do XI Encontro Estadual em Barra Bonita
22/10/2009 - XI Encontro Estadual da Arpen-SP - Inscrições com Preços Promocionais para Barra Bonita encerram-se hoje
21/10/2009 - XI Encontro Estadual da Arpen-SP - Inscreva-se já e garanta a sua participação no XI Encontro Estadual da Arpen-SP
20/10/2009 - XI Encontro Estadual da Arpen-SP - Inscrições com Preços Promocionais para Barra Bonita encerram-se nesta quinta-feira (22.10)
20/10/2009 - XI Encontro Estadual da Arpen-SP - Diversão e Lazer estão garantidos em Barra Bonita
16/10/2009 - XI Encontro Estadual da Arpen-SP - Argon Informática é mais uma parceira do evento estadual da Arpen-SP
15/10/2009 - XI Encontro Estadual da Arpen-SP - Juiz auxiliar da Corregedoria Nacional de Justiça, Ricardo Cunha Chimenti, confirma presença no XI Encontro Estadual da Arpen-SP
15/10/2009 - XI Encontro Estadual da Arpen-SP - Cerimônia de Premiação encerra IV Prêmio de Qualidade em Barra Bonita
13/10/2009 - XI Encontro Estadual da Arpen-SP - Pacotes de Hospedagem com descontos especiais e pagamento em até 4 parcelas
06/10/2009 - Arpen-SP convoca Associados para Assembléia Geral Ordinária de eleição da Diretoria para o biênio 2010/2011
06/10/2009 - XI Encontro Estadual da Arpen-SP - Juiz auxiliar da presidência do CNJ, Dr. Marcelo Martins Berthe confirma presença no XI Encontro Estadual da Arpen-SP
24/09/2009 - XI Encontro Estadual da Arpen-SP - Uniodonto também fecha parceria para o evento estadual da Arpen-SP
22/09/2009 - XI Encontro Estadual da Arpen-SP - JS Gráfica, Editora e Encadernadora é a primeira parceira do evento estadual da Arpen-SP
21/09/2009 - XI Encontro Estadual da Arpen-SP - Corregedoria Geral da Justiça recomenda aos juízes corregedores a não realização de correições no período do XI Encontro Estadual
14/08/2009 - XI Encontro Estadual da Arpen-SP em Barra Bonita. Participe e sugira temas para o evento!

Em 22/11/2009 21h50
AMIGO, MORO NO DISTRITO DE OLHO DAGUA DA BICA - COMARCA DE TABULEIRO DO NORTE O CARTORIO AQUI FOI CRIADO EM 1940 QUANDO MEU PAI ERA O OFICIAL EU FIZ O CONCURSO PUBLICO PARA SUBSTITUTO EM 1984 FUI APROVADO EM PRIMEIRO LUGAR ASSUMI EM 1985 DEPOIS MEU PAI FALICEU FIQUEI TRABALHANDO EM 1992 HOUVE CONCURSO PARA TITULAR NÃO PARTICIPEI EM TÃO ASSUMIU UMA SENHORA QUE MORA NA CIDADE AI FIQUEI FORA EM 1998 A SRa EXONERAÇÃO DO CARGO PQ O GANHO ERA POUCO O JUIZ CONSIDERANDO AS PORTARIA Nº 04/85, de 02/04/85 expedidas nesta COMARCA PELA PELA JUIZA ENTÃO ATE HOJE ESTOU TRABALHANDO DR JUIZ NÃO ENTENDO PQ QUANDO FALA CUNCURSADO NÃO PERDE O EMPREGO MAS JA FIQUEI FORA 5 ANOS MIM COLOCARAM DE NOVO VEJA COMO DIZ PROVIMENTO Nº 14/80, de 11/09/1980 NOMEAR , EM CARATER EFETIVO, PARA EXERCER O CARGO DE ESCREVENTE SUBSTITUTO NO CARTORIO DE REGISTRO CIVIL DO DISTRITO DE OLHO DAGUA DA BICA DESTA COMARCA O SR ANTONIO SILVESTRE REBOUÇAS ESTA COM 25 ANOS DE CONCURSO E 18 ANO DE SERVIÇO COLEGAR DR JUIZ SERA QUE FICO DE FORA NÃO TENHO NEN UM DIREITO DE FICAR MIM RESPONDA ALGUMA COISA POR QUE DIZ QUE O CARTORIO AQUI ESTA VAGO?
Autor: ANTONIO SILVESTRE REBOUÇAS
Profissão: Substituto
Cidade - Estado: Tabuleiro do Norte - CE
Deixe seu comentário
 
 
369972

Código de Conduta da Arpen-SP


  1. O site da Arpen-SP incentiva o debate responsável. Está aberta a todo tipo de opinião. Mas não aceita ofensas.
    Serão deletados comentários contendo:
    • - Insulto
    • - Difamação
    • - Manifestações de ódio e preconceito
  2. É um espaço para a troca de idéias, e todo leitor deve se sentir à vontade para expressar a sua.
    Não serão tolerados:
    • - Ataques pessoais
    • - Ameaças
    • - Exposição da privacidade alheia
    • - Perseguições (cyber-bullying) e qualquer outro tipo de constrangimento
  3. Por questões de segurança, não serão aceitos comentários contendo comandos, tags ou hiperlinks.
    Se desejar indicar algum site, digite o endereço textualmente.
    Por exemplo: http://www.arpensp.org.br
  4. Incentivamos o leitor a tomar responsabilidade pelo teor de seus comentários e pelo impacto por ele causado: informações equivocadas devem ser corrigidas, e mal entendidos, desfeitos.
  5. O site defende discussões transparentes. Não se dispõem a servir de plataforma de propaganda ou proselitismo, de qualquer natureza.
  6. Dos leitores, não se cobra que concordem, mas que respeitem e admitam divergências, que acreditamos próprias de qualquer debate de idéias.
  7. Ao critério da administração do site, serão bloqueados participantes que não respeitarem este conjunto de regras.

Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo
Praça João Mendes, 52 - conj. 1102 - 11º andar - Centro - São Paulo - SP - CEP 01501-000
Fone: (55 11) 3293-1535 - Fax: (55 11) 3293-1539

Nº de Visitas: 132.955.202
Copyright © Assessoria de Comunicação da Arpen-SP

Juiz terá que ouvir a mãe sempre que não for registrado o nome do pai na certidão de nascimento

LEIA MAIS